A ÁRVORE DOS PROBLEMAS

29/04/2013 10:39

 

 

“Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito”.

Está é uma história de um homem que contratou um carpinteiro para ajudar arrumar algumas coisas na sua fazenda. O primeiro dia do carpinteiro foi bem difícil, para ser bem sincero, foi realmente desastroso.

Aquilo que parecia uma oportunidade agradável se tornará em um pesadelo, pois nada deu certo para aquele carpinteiro, que ficou muito abalado com tudo que lhe aconteceu. O pneu do carro furou. A serra elétrica quebrou. Cortou o dedo. É ao final da tarde, até o seu carro dar um empurrãozinho para tornar aquele dia ainda mais desagradável, ele também não funcionou.

O homem que contratou o carpinteiro lhe ofereceu uma carona para casa. Durante o caminho, o carpinteiro não falou absolutamente nada. Ele apenas pensava com os seus botões. Quando as coisas não dão certo para nós, o silêncio e a reflexão parecem que são os nossos melhores companheiros.

Mas tudo isso deixou o homem que levava para casa muito intrigado, pós o carpinteiro em nada reclamava mais, o seu rosto demostrava a insatisfação com tudo o que aconteceu.

Os gestos, olhares, e maneira de agir revelam muito a respeito do que somos, do que sentimos da nossa personalidade do nosso caráter. Precisamos ter muita cautela, pois, podemos revelar para os outros muito daquilo que somos na verdade.

Quando chegaram a sua casa, o carpinteiro convidou o homem para entrar e conhecer a sua família, um gesto nobre de hospitalidade que deveríamos sempre que tivermos oportunidades proceder desta maneira.

A gradecido, o homem aceitou o convite. E os dois seguiram para a porta da frente, e quando estava caminhado, antes mesmo de entrar em sua casa, o carpinteiro parou junto a uma pequena árvore e gentilmente tocaram as pontas dos galhos com as duas mãos.

Depois de abrir a porta e entrar na sua casa, o carpinteiro transformou-se. Os traços tensos do seu rosto se transformaram em um grande sorriso, e ele abraçou os seus filhos e beijou sua esposa e fez daquele momento uma grande festa. O homem que o acompanhava ficou sem entender nada, pois o carpinteiro estava com uma cara amarrados segundos atrás e agora parecia uma nova pessoa feliz e de bem com a vida, com o seu maior patrimônio, a sua família.

Um pouco mais tarde, o carpinteiro acompanhou a sua visita até o carro. É assim que eles passaram pela árvore, o homem curioso perguntou – Por que, carpinteiro, você tocou na planta antes de entrar em casa?

Ele, olhando firme aquele homem, respondeu:

-Esta é a minha Árvore dos Problemas. Eu sei que não posso evitar ter problemas no meu trabalho e outras situações que enfrentamos durante o dia, mas estes problemas não devem chegar até os meus filhos e minha esposa.

-Então, toda noite, eu deixo os meus problemas nesta árvore quando chego a casa, e os pego no dia seguinte. E você que saber de uma coisa?

- Toda manhã, quando eu volto para buscar os meus problemas, eles não são nem metade do que eu me lembro de ter deixado na noite anterior. E acredito que este novo dia é de grande importância, pois é mais uma oportunidade para experimentar novas situações, novos desafios, vencer obstáculos, superar problemas.

“Não se preocupem com nada, mas em todas as orações peçam a Deus o que você precisa e orem sempre com o coração agradecido”.

Filipenses 4.6

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!